10Differences.org
A Enciclopédia
de Diferenças

Diferença entre a Imigração e a Emigração

Tabela de Conteúdos

Não compreende bem a diferença entre imigração e emigração? Você não está sozinho. Muitas pessoas não sabem a diferença ou usam as palavras de forma intercambiável. Mas há uma grande diferença entre estes dois termos.

A principal diferença entre imigração e emigração é que a imigração é o acto de vir para um país, enquanto que a emigração é o acto de deixar um país.

Este artigo irá discutir as diferenças entre estes dois processos com mais detalhe!

O que é a Imigração?

A imigração é o acto de deixar o seu país para se instalar noutro. Aqueles que migram fazem-no por uma variedade de razões, incluindo instabilidade política, dificuldades económicas, desastres naturais e reunificação familiar.

A imigração também pode ser difícil e perigosa, pois muitos migrantes têm de atravessar as fronteiras ilegalmente, sem a devida documentação. Uma vez no seu destino, os migrantes enfrentam frequentemente desafios tais como barreiras linguísticas, discriminação e exploração.

Apesar das dificuldades, a imigração é uma importante fonte de crescimento populacional e de diversidade cultural em países de todo o mundo.

O que é a Emigração?

A emigração é o acto de deixar o seu país para viver noutro lugar. Há muitas razões pelas quais as pessoas podem escolher emigrar, incluindo agitação política, dificuldades económicas ou um desejo de estar mais perto da família.

A emigração pode ser difícil e stressante, muitas vezes envolvendo o abandono de um modo de vida familiar. Mas para muitas pessoas, a migração é também uma oportunidade excitante para começar de novo num novo lugar. Quaisquer que sejam as razões para a emigração, começar de novo num novo país pode ser simultaneamente assustador e entusiasmante.

Principais Diferenças entre a Imigração e a Emigração

Objectivo

Quando imigra para um novo país, muda-se para lá com a intenção de fazer dele a sua nova casa. Você pode estar a mudar-se para o trabalho, para estar mais perto da família, ou por muitas outras razões. Assim que chegar ao seu novo país, passará por um processo para se tornar um residente legal ou cidadão.

Por outro lado, a emigração está a deixar o seu país de origem para viver num outro país. Você pode emigrar pelas mesmas razões que imigraria - trabalho, família, ou outras razões pessoais.

Desafios

Os imigrantes trazem sempre novos desafios quando chegam a um novo país. Eles podem não falar a língua, podem não estar familiarizados com os costumes, e podem não ter as competências necessárias. Contudo, os imigrantes também trazem novas ideias, novas perspectivas e novas energias. Eles podem ajudar a revitalizar uma comunidade e torná-la mais dinâmica.

Os emigrantes, por outro lado, representam uma perda de capital humano. Eles deixam para trás família, amigos e conhecimentos locais. Isto pode ser um revés para as empresas e comunidades que tentam prosperar. O desafio para qualquer país é encontrar uma forma de encorajar a imigração e ao mesmo tempo conter a maré da emigração.

Exemplos

A imigração é o acto de entrar num país, enquanto que a emigração é o acto de sair de um país. Por exemplo, se uma pessoa do México se mudar para os Estados Unidos, ela é considerada imigrante para os Estados Unidos. No entanto, a mesma pessoa seria considerada um emigrante para o México.

Tabela Comparativa: Imigração Vs Emigração

ParâmetrosImigraçãoEmigração
Lei deEntrada num país estrangeiroDeixar o seu país de origem
ArtigosMaisMenos
DesafiosMaisMenos
DificuldadeMais difícilMenos difícil

Semelhanças entre a Imigração e a Emigração

Os documentos são essenciais quando se desloca de um país para outro, quer esteja a imigrar ou a emigrar. Os documentos de imigração asseguram que você se qualifica para entrar num novo país, enquanto os documentos de emigração o ajudam a deixar o seu país de residência actual.

Os documentos específicos de que necessita variam dependendo do seu destino e do motivo da viagem, mas podem incluir itens tais como passaportes, pedidos de visto e certidões de nascimento.

Por vezes também pode precisar de provas de emprego ou de estabilidade financeira. Assegurar-se que tem todos os documentos necessários pode facilitar muito o processo de imigração ou emigração.

FAQs

Alguém pode ser simultaneamente um emigrante e um imigrante?

Absolutamente! Muitas pessoas que se mudam para outro país são simultaneamente emigrantes e imigrantes. Um emigrante é uma pessoa que deixa o seu país de origem para se estabelecer num outro país. Um imigrante, por outro lado, é uma pessoa que vem para um novo país para lá viver permanentemente.

Assim, se nasceu no país A mas se mudou para o país B, será um emigrante do país A e um imigrante do país B. Da mesma forma, se você nasceu no país B mas mudou-se para o país C, você será um emigrante do país B e um imigrante do país C. É, portanto, perfeitamente possível ser tanto um emigrante como um imigrante.

A imigração é asilo?

A resposta a esta pergunta não é tão simples como parece. Aos requerentes de asilo ainda não foi concedido o estatuto de refugiado - eles estão simplesmente à procura de protecção contra perseguição. Em contraste, os imigrantes são pessoas que se estabeleceram permanentemente noutro país.

Uma vez que os requerentes de asilo ainda não receberam o estatuto de refugiado, é difícil dizer definitivamente se eles são considerados imigrantes.

No entanto, é de notar que muitos requerentes de asilo acabam por imigrar permanentemente para o seu país de acolhimento. Portanto, embora os requerentes de asilo não sejam tecnicamente considerados imigrantes, existe uma forte possibilidade de que acabem por vir a sê-lo. Isto torna a distinção entre os requerentes de asilo e os imigrantes relativamente discutível.

O que significa ser um imigrante ilegal?

Ser um imigrante ilegal significa que uma pessoa está a viver num país sem a permissão do governo. Isto pode acontecer se uma pessoa exceder a duração do seu visto ou entrar no país sem os documentos apropriados.

Os imigrantes ilegais podem estar sujeitos a deportação e enfrentar dificuldades na procura de emprego e no acesso aos cuidados de saúde. Apesar destas dificuldades, muitos imigrantes ilegais permanecem no seu país de adopção, onde podem ter família ou amigos.

Em alguns casos, eles também podem ser capazes de requerer um estatuto legal. Embora o termo "imigrante ilegal" seja frequentemente usado como um insulto, refere-se simplesmente a uma pessoa que vive num país sem autorização do governo.

Conclusão

Como pode ver, a diferença entre imigração e emigração é bastante clara. A emigração refere-se sempre a pessoas que deixam um país, enquanto que a imigração pode referir-se a pessoas que entram num país. É importante estar ciente desta distinção ao discutir estes termos, pois eles têm implicações diferentes, dependendo do contexto.

Referências

Sinta-se à vontade para comentar e discutir sobre o artigo no espaço de comentários abaixo, se tiver alguma informação ou observações a acrescentar. Se pensa que cometemos um erro, pode também relatá-lo lá.
Partilhe o nosso Artigo em :

Tabela de Conteúdos

Sobre o Autor: Nicolas Seignette

Nicolas Seignette, que possui um bacharelato científico, iniciou os seus estudos em matemática e informática aplicada às ciências humanas e sociais (MIASHS). Continuou então os seus estudos universitários com um DEUST WMI (Webmaster e profissões da Internet) na Universidade de Limoges antes de terminar o seu curso com uma licença profissional especializada nas profissões das TI. Em 10Diferenças, é responsável pela investigação e redacção dos artigos relativos à tecnologia, ciências e matemática.
Todos os Posts Escritos por Nicolas Seignette

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

magnifiercrosschevron-downarrow-right linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram